Cão abandonado na floresta tem como amigo um ursinho de pelúcia

Cão abandonado na floresta tem como amigo um ursinho de pelúcia

A vida do pit bull Zeus de quatro anos, recomeçou quando uma mulher o encontrou no meio de um matagal, machucado, sangrando, com a cauda quebrada e no início de uma infecção.

A ajuda chegou em boa hora , Zeus foi resgatado e levado para o Wilson County Shelter. Porém, como Zeus necessitava de sérios cuidados médicos ele foi tirado com a ajuda do Rescue Dogs Rock NYC, para um hospital veterinário.

Cão abandonado na floresta tem como amigo um ursinho de pelúcia

O caso estava bem complexo. O animal teve que passar por três cirurgias e tomar grandes doses de antibióticos e analgésicos para se recuperar dos ferimentos.

Jackie O’Sullivan, co-fundador do Rescue Dogs Rock NYC, é só elogios para Teddy. Ele conta que o cachorro apesar da dor, nunca chorou, gemeu ou se mostrou agressivo. Pelo contrário, Teddy se manteve sempre quieto, apesar do desconforto da dor.

Zeus se recupera e ganha urso de pelúcia

O caso de Zeus despertou atenção. Uma pessoa foi visitá-lo na clínica e presenteou a ele um cobertor e um ursinho de pelúcia. Teddy simplesmente adorou o ursinho e logo os dois se tornaram amigos inseparáveis.

Cão abandonado na floresta tem como amigo um ursinho de pelúcia

Em breve Teddy vai sair da clínica veterinária e viajará até Nova York a fim de cumprir outra etapa da sua vida: tentar encontrar um lar amoroso para sempre. Mas sempre com o fofo ursinho ao seu lado.

Jackie mostra o quanto Teddy tocou seu coração ao dizer que os maus tratos que o caozinho sofreu não lhe causaram problemas. Teddy continua um excelente cachorro e seguramente terá uma vida maravilhosa pela frente.

Desejemos ao fofo cachorro um destino muito feliz que ele encontre uma família que dê muito amor e carinho e que nunca mais ele passe por um abandono, com o trauma ele acabou adotando um ursinho como amigo.

Esperamos de coração que as pessoas pense muito bem antes de abandonar um cachorro, pois eles nunca vão esquecer disso, mesmo com uma nova família.

Gostou da matéria ? Compartilhe para que mais pessoas conheçam essa história.

Envie seu comentário