Idoso de 93 anos adota cachorro idoso que ia ser sacrificado

Idoso de 93 anos adota cachorro idoso que ia ser sacrificado

Um cachorro pastor alemão branco chamado Sam tem uma história emocionante, ele tem 13 anos. Infelizmente ele viveu quase toda a sua vida no abrigo esperando que alguém o adota-se.

Sam ficou anos e anos e ninguém quis adota-lo e com isso foi se passando os anos e ele foi ficando mais velho, com isso ele chegou a uma certa idade que os donos do abrigo estavam querendo tomar uma atitude drástica, onde ia fazer a eutanásia com o pobre cão.

Idoso de 93 anos adota cachorro idoso que ia ser sacrificado

Tudo parecia perdido parao cachorro Sam, mas um anjo mudou seu destino. Um telefonema mudou o destino do pobre cãozinho que iria ser sacrificado, na ligação um homem perguntou se havia um cão idoso disponível para adoção.

Com isso essa era a grande chance de Sam, quem estava no telefone querendo adotar era um homem chamado George Johnson de 93 anos.

Idoso muda o destino do cão idoso

O homem contou a sua história de vida no telefone e com isso pensaram imediatamente que o Sam seria o cão perfeito para ele.

Uma coincidência é que o ex-dono do Sam que o abandonou, acabou fazendo isso porque ele foi servir á marinha. O idoso que estava procurando um cão para adotar era um veterano da marinha, ele estava procurando um cachorro, pois seu último amigo de 4 patas tinha falecido.

Idoso de 93 anos adota cachorro idoso que ia ser sacrificado

Depois de anos tentando , finalmente o Sam conseguiu ser adotado. Agora ele tem um lar onde está ganhando muito carinho e amor. O George encontrou o melhor amigo que poderia ter. O destino uniu esses dois e acabou salvando a vida de Sam e com certeza mudou a vida do George.

O destino do cachorro foi mudado completamente, graças ao idoso o cãozinho agora pode ter uma vida tranquila como muito amor e carinho. Uma linda atitude do idoso.

Idoso de 93 anos adota cachorro idoso que ia ser sacrificado

Gostou da atitude do idoso? Comente abaixo. Compartilhe essa atitude com seus amigos nas redes sociais.

Créditos : historiascomvalor

Envie seu comentário