4 cães bloqueiam o tráfego e os motoristas percebem que estão protegendo seu amigo atropelado

4 cães bloqueiam o tráfego e os motoristas percebem que estão protegendo seu amigo atropelado

Na cidade de Lanzhou na China Central, aconteceu uma cena muito comovente. Onde um grupo de cachorros de rua estava cercando o seu amigo que tinha sido atropelado no meio de uma estrada.

Enquanto os cachorros vigiavam seu amigo, eles causaram um grande engarrafamento forçando os carros a contorná-los. A matilha de cães estava apenas tentando proteger o seu amigo de outros ferimentos dos carros que passavam.

O grupo que tem um líder (por assim dizer) está aconchegando o cãozinho é muito comovente, os cães são conhecidos como muito fiéis e são mesmo até mesmo com seus amigos caninos.

Pelo jeito o grupo está unidos a bastante tempo, pois os quatro cachorros ficam lá o tempo todo é muito emocionante ver essa cena.

4 cães bloqueiam o tráfego

De acordo com a Mirros, uma testemunha viu toda a cena e comentou que os cães ficaram ao lado do cãozinho o tempo todo, desde a hora que ele foi atropelado.

Esses cães de rua, certamente de uniram para poder um ajudar o outro e isso é mostrado nitidamente no que estava acontecendo. Onde eles estavam tentando ajudar o seu amigo.

Geralmente esses cães passam momentos muitos difíceis, mas estão todos juntos. Onde procuram comida, proteção, abrigo e companhia.

Um cachorro de rua considera a matilha como uma família e ser um deles dá aos cachorros de rua uma chance maior de sobrevivência, assim como no filme Oliver and Company.

Dá para imaginar o quanto os cães são leais e apegados uns aos outros, eles devem ter compartilhado mais do que algumas lembranças juntos, tristes, felizes, enquanto estavam nas ruas.

Não dá para negar que existia um vínculo especial entre eles, porque dava para ver claramente como eles se solidarizaram com o amigo.

O mais triste de tudo é que o cãozinho não resistiu ao ferimentos e acabou falecendo depois do atropelamento. Não é de admiram que estavam sofrendo com a perca do seu amigo.

Os cães como qualquer animal, tem uma maneira única de se comportar quando experimentam a perda. O luto não é exclusivo dos humanos, nem a solidão.

“Os cães também sofrem com a perda de um companheiro, embora não o possamos ver”, afirma o Spruce.

De tudo isso, só uma coisa podia ter salvado a vida do cãozinho. Se o motorista responsável pelo atropelamento resgata-se o bichinho e leva-se para o veterinário.

Mas infelizmente ele fugiu e não ajudou o cãozinho, mas existe sim motorista que são solidários e cooperativos, mas alguns motoristas ainda dirigem de forma imprudente, representando um perigo para os animais de rua ou florestas.

Créditos : ronproject

Envie seu comentário